Bandido morto no aeroclube estava com roupas falsas da Polícia e liderava bando que tentaria roubar 30 quilos de ouro

0 74

Foi identificado como Emir Junior Prata Vargas, 29 anos, o criminoso morto durante confronto com a PM na noite de sexta-feira (25) no final de uma pista de pouso no Aeroclube de Porto Velho. Ele estava armado com uma pistola calibre .380 e uma metralhadora AK 47, com várias munições intactas. Dentro da bolsa que Emir levava haviam três camisas falsas das Polícias Federal (PF) e Civil, além de um rádio comunicador, luvas, balaclavas e braçadeiras.

Os comparsas do criminoso morto, Fábio Ribeiro Freitas, 34 anos e Felipe Alves Miranda, 28 anos foram presos durante a ação da Força Tática do 9º BPM e confessaram que tentariam realizar o roubo de 30 quilos de ouro de um garimpeiro que estava chegando em Porto Velho em uma pequena aeronave e iria pousar no Aeroclube. Eles não entregaram de onde conseguiram as informações. Felipe levou um tiro de raspão no pé e recebeu atendimento no Hospital João Paulo II, e depois levado para a Central de Flagrantes.

Fonte:rondoniagora
Loading...