50% reprovam abertura de impeachment de Bolsonaro pelo Congresso e 46% aprovam, aponta Datafolha

50% reprovam abertura de impeachment de Bolsonaro pelo Congresso e 46% aprovam, aponta Datafolha

Pesquisa do Instituto Datafolha publicada no site do jornal “Folha de S.Paulo” nesta quarta-feira (17) mostra os seguintes percentuais de avaliação dos entrevistados sobre se o Congresso deve ou não abrir processo de impeachment contra Jair Bolsonaro e se presidente deve ou não renunciar em meio às crises política e de saúde:

Opinião sobre Congresso abrir ou não processo de impeachment contra Bolsonaro, em %:

  • Não deveria: 50%
  • Sim, deveria: 46%
  • Não sabe: 3%

O levantamento ouviu 2.023 pessoas maiores de idade na segunda (15) e na terça-feira (16). As entrevistas foram feitas por telefone. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais.

Em relação ao levantamento anterior, em 20 e 21 de janeiro, o índice oscilou dentro da margem de erro: 53% eram favoráveis à abertura de impeachment contra 50% agora; 42% eram contrários ante 46% agora.

Nas pesquisas anteriores o resultado sobre o impeachment de Bolsonaro foi:

20 e 21 de janeiro

  • Congresso deveria abrir impeachment: 53%
  • Não deveria abrir: 42%
  • Não sabe: 4%

25 e 26 de maio

  • Congresso deveria abrir impeachment: 50%
  • Não deveria abrir: 46%
  • Não sabe: 4%

27 de abril

  • Congresso deveria abrir impeachment: 48%
  • Não deveria abrir: 45%
  • Não sabe: 6%

Opinião sobre a renúncia de Bolsonaro, em %:

  • Não deveria renunciar: 50%
  • Sim, deveria renunciar: 47%
  • Não sabe: 3%

Nas pesquisas anteriores o resultado sobre renúncia de Bolsonaro foi:

20 e 21 de janeiro

  • Não deveria renunciar: 51%
  • Sim, deveria renunciar: 45%
  • Não sabe: 4%

25 e 26 de maio

  • Não deveria renunciar: 50%
  • Sim, deveria renunciar: 48%
  • Não sabe: 3%

27 de abril

  • Não deveria renunciar: 50%
  • Sim, deveria renunciar: 46%
  • Não sabe: 5%

1º a 3 de abril

  • Não deveria renunciar: 59%
  • Sim, deveria renunciar: 37%
  • Não sabe: 4%. Fonte/ G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *