Após chegada de insumos Fiocruz retoma produção da vacina Oxford/AstraZeneca contra covid-19

Após chegada de insumos Fiocruz retoma produção da vacina Oxford/AstraZeneca contra covid-19

O Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos da Fundação Oswaldo Cruz (Bio-Manguinhos / Fiocruz) iniciou a fabricação da vacina Oxford / AstraZeneca contra o covid-19 hoje (25) após estar fechado desde a última quinta-feira (20). Como um novo suprimento do ingrediente farmacêutico ativo (IFA) veio da China no último sábado (22), a linha de produção pôde ser reaberta.

No final de semana, a Fiocruz recebeu insumos suficientes para criar 12 milhões de doses, garantindo a fabricação das vacinas até a terceira semana de junho e entrega ininterrupta ao Programa Nacional de Imunizações (PNI) até o dia 3 de julho.

IFA é a parte mais significativa da vacinação, porque carrega o material genético que desencadeia a resposta imunológica ao novo coronavírus. A entrada é enviada a -55 graus Celsius e deve ser cuidadosamente descongelada ao chegar à fábrica.

O processo de produção da vacina de Bio-Manguinhos envolve uma longa metodologia de controle de qualidade, que pode levar até quatro semanas para garantir a eficácia e segurança do lote criado antes de ser liberado para o PNI pelo Ministério da Saúde.

Somente entre os dias 14 e 19 de junho, as dosagens que começarão a ser fabricadas hoje deverão ser fornecidas ao Sistema Único de Saúde (SUS).

Fonte: Mixrondonia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *