Cacique Catarino, do povo Ikolen Gavião morre em ​Rondônia

Cacique Catarino, do povo Ikolen Gavião morre em ​Rondônia

O cacique do povo Ikolen Gavião de Rondônia, Catarino Sebirop, morreu nesta sexta-feira (1º) em Ji-Paraná (RO) vítima de uma doença crônica no pulmão. A informação foi confirmada por entidades ligadas à militância indígena.

De acordo com uma liderança indígena, Catarino era diabético e sofreu de um problema no pulmão, além de contrair a Covid-19.

A Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira (Coiab) divulgou uma nota de pesar lamentando a morte de Catarino.

De acordo com a Coiab, o cacique foi uma das lideranças que estiveram à frente de um grande esforço para demarcação da Terra Indígena Igarapé Lourdes, em Rondônia, além de atuar em defesa de terras indígenas vizinhas que sofriam com invasores.

Ele também esteve presente, junto com a Fundação Nacional do Índio (Funai), nos primeiros contatos com vários povos indígenas, como os Uru-eu-wau-wau e Suruí.

“Neste momento de dor e sofrimento, nos solidarizamos com seus familiares, amigos e todo o povo Ikolen Gavião. Que os eternos recebam este guerreiro”, disse a Coiab em nota.

Cacique do povo Ikolen Gavião de Rondônia, Catarino Sebirop  — Foto: Lediane Fani Felzke

Cacique do povo Ikolen Gavião de Rondônia, Catarino Sebirop — Foto: Lediane Fani Felzke

Fonte: https://noticiageral.com – com informações de G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *