É falso que Tite prestou homenagem em túmulo de Fidel Castro?

É falso que Tite prestou homenagem em túmulo de Fidel Castro?

Circula pelas redes sociais a imagem de um homem prestando uma homenagem no túmulo do ex-presidente cubano Fidel Castro. De acordo com a legenda, seria o técnico da seleção brasileira Tite. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

“Tite treinador da seleção brasileira no túmulo do ditador comunista Fidel Castro, entenderam a lacração agora ? (…)”
Trecho de legenda de foto que, até 15h do dia 16 de novembro de 2021, havia sido compartilhada por 155 usuários no Facebook

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. A foto que circula pelas redes sociais é verdadeira, mas não mostra o técnico da seleção brasileira masculina de futebol Tite. Apesar da semelhança física, quem aparece visitando o túmulo de Fidel Castro é Miguel Díaz-Canel, presidente de Cuba.

A imagem analisada foi registrada em 29 de outubro deste ano em Santiago de Cuba, na região leste do país, onde foi construído o túmulo do líder da Revolução Cubana e ex-presidente Fidel Castro, morto em 2016. Díaz-Canel, que também é primeiro-secretário do Partido Comunista de Cuba, viajou até o município para participar de uma sessão plenária que trocou a liderança local da agremiação.

A homenagem de Díaz-Canel a Fidel foi reportada por portais cubanos e a imagem analisada foi publicada pelo próprio presidente em suas redes sociais. Uma TV estatal de notícias também registrou o momento de um ângulo semelhante.

Dessa forma, não há qualquer relação da foto do túmulo de Fidel com o técnico Tite. Na mesma data, em 29 de outubro, o treinador brasileiro esteve na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), na cidade do Rio de Janeiro, para convocar os jogadores que enfrentariam os times da Colômbia e da Argentina pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022.

Essa informação também foi verificada por Boatos.org e MonitoR7.

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌

Lupa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *