Israel faz testes com laser aerotransportado para derrubar drones

Israel faz testes com laser aerotransportado para derrubar drones

Em uma série de experimentos em Israel implantando um laser aerotransportado para disparar em drones, uma “conquista técnica” que pode impulsionar seu sistema defensivo, afirmou Israel nesta segunda-feira (21).

Este novo sistema de laser, que foi colocado no topo de um minúsculo avião civil e “testado na semana passada”, pode ter como alvo qualquer item voador, incluindo “drones, obuseiros, foguetes e mísseis balísticos”, de acordo com Yaniv Rotem, diretor do Ministério da Defesa de Israel Pesquisa e desenvolvimento.

A uma altura de 900 metros e um raio de um quilômetro, o laser aerotransportado foi capaz de derrubar muitos drones. No entanto, se for aperfeiçoado, será capaz de interceptar alvos em um raio de 20 quilômetros, de acordo com Rotem.

O sistema, que foi desenvolvido pelo Ministério da Defesa e pela empresa israelense Elbit Systems, emprega técnicas de detecção aérea do exército antes de disparar um laser de 100 quilowatts contra o alvo. “Em três ou quatro anos”, previu ele, um protótipo funcional pode estar pronto.

Benny Gantz, o ministro da Defesa, elogiou um “avanço técnico”. “O sistema de laser permitirá a Israel combater uma variedade de ameaças e, ao mesmo tempo, reduzir os custos de interceptação”, acrescentou ele em um comunicado.

O governo israelense alegou que seu sistema antiaéreo “Iron Dome” interceptou 90% dos 4.300 foguetes lançados pelo Hamas do enclave palestino de Gaza em seu mais recente confronto com o movimento islâmico em maio. Cada míssil usado para interceptar foguetes do Hamas é caro, custando dezenas de milhares de dólares.

Fonte: Mixrondonia.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *