Policiais fiscalizam madeireiras e fazem operação após satélite flagrar quase 500 alertas de desmatamento em RO

Policiais fiscalizam madeireiras e fazem operação após satélite flagrar quase 500 alertas de desmatamento em RO

Policiais federais e ambientais iniciaram nesta segunda-feira (9) a Operação Brasil Mais, que visa fiscalizar madeireiras e combater o desmatamento em Nova Mamoré (RO) e Guajará-Mirim(RO), cidades localizadas na fronteira com a Bolívia.

Segundo a Polícia Federal (PF), a ação está sendo feita após imagens de satélite indicarem a existência de 491 alertas de desmatamento na região.

A força-tarefa da operação estima que cerca de 9 mil metros quadrados da floresta foram devastados em Nova Mamoré e Guajará.

Nesta segunda-feira, agentes cumprem mandados judiciais no interior das terras indígenas Igarapé LageRibeirão Karipuna.

Madeireiras de Guajará-Mirim e Nova Mamoré estão sendo fiscalizadas. Não foi informado se houve prisão de madeireiros, pois as equipes policiais estão no local.

Policiais cumprem mandados em madeireiras na região de fronteira — Foto: PF/Reprodução

Policiais cumprem mandados em madeireiras na região de fronteira — Foto: PF/Reprodução

Além da PF, a operação Brasil Mais tem a participação da Fundação Nacional do Índio (Funai), Secretaria Estadual de Desenvolvimento Ambiental (Sedam) e Batalhão de Polícia Ambiental (BPA).

De acordo com a PF, os criminosos responderão receptação qualificada e pela destruição de floresta nativa, cuja pena pode ir até 12 anos de reclusão.

Satélite identificou área de desmatamento em RO — Foto: PF/Reprodução

Satélite identificou área de desmatamento em RO — Foto: PF/Reprodução

Fonte: https://noticiageral.com – com informações de G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *