Porto Velho ainda não tem previsão para oferecer dose de reforço contra Covid-19

Porto Velho ainda não tem previsão para oferecer dose de reforço contra Covid-19

A Prefeitura de Porto Velho informou nesta quarta-feira (25) que ainda não tem previsão para oferecer a dose de reforço da vacina contra a Covid-19.

O Governo de Rondônia declarou que a situação é discutida em nível nacional e seguirá às diretrizes estabelecidas pelo Ministério da Saúde (MS), mas ainda não definiu recomendação aos municípios para o início da aplicação.

O Ministério da Saúde anunciou que a aplicação desse reforço começa no dia 15 de setembro para idosos com mais de 70 anos e pessoas com baixa imunidade (imunossuprimidos).

A dose de reforço é indicada para os idosos que completaram o esquema vacinal há mais de seis meses. No caso dos imunossuprimidos, eles devem esperar 28 dias após a segunda dose.

Fonte: https://noticiageral.com – com informações de G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *