Programa “Plante Mais” vai incentivar aumento da produção cafeeira e cacaueira em RO

Programa “Plante Mais” vai incentivar aumento da produção cafeeira e cacaueira em RO

A iniciativa “Plante Mais”, que distribui cinco milhões de mudas clonais de café e 600 mudas clonais de cacau para agricultores familiares, foi lançada esta semana pelo Governo de Rondônia por meio da Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Rondônia (Emater- RO).

A atividade faz parte de um esforço estadual de combate ao desmatamento e incentivo ao aumento da produção agrícola, com o objetivo de aumentar a lucratividade e a geração de renda para as famílias rurais.

O programa visa impulsionar a produção de café e cacau com a distribuição de cinco milhões de mudas clonais de café, que serão dispersas nos próximos cinco anos.

Segundo fontes do governo, essa será a maior distribuição de mudas de café realizada em um ano. Serão entregues 600 mil mudas clonais de cacau, mudas do acordo anticorrupção (Lava Jato), Seagri e emendas parlamentares, com cada produtor recebendo até mil mudas clonais de cacau.

As sedes locais da Emater-RO já estão aumentando as demandas de suas regiões, e as necessidades de acesso e distribuição, bem como a logística para a vinda dessas mudas, foram acertadas em recente reunião, que foi coordenada por Anderson Khül, diretor técnico da Emater.

Um dos alicerces da economia de Rondônia tem sido a cafeicultura. Sua expansão, tanto na produção quanto na qualidade dos grãos produzidos, tem despertado a curiosidade do mercado nacional e internacional, levando Rondônia ao sexto lugar na produção geral de café e ao segundo lugar na produção de café clonal.

As competições pela produção e qualidade do café em Rondônia (Concafé) têm desempenhado um papel significativo nessa expansão, com um número crescente de produtores interessados em iniciar, recuperar ou aprimorar seus plantios.

Segundo dados coletados por Fausto Lima Farias de Souza, responsável pela área vegetal da Emater-RO, foram implantados entre 1.500 e 2.000 novos hectares de café clonal, totalizando entre 45.000 e 50.000 hectares de café em todo o estado, levando Rondônia à produzem cerca de 2,2 milhões de sacas de café.

O cacau também está recebendo apoio do governo. A parceria entre a Emater, a Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri) e o Comitê Executivo do Plano Safra do Cacau (Ceplac) resultou em ações que levaram a safra de cacau de Rondônia a se tornar uma das maiores do Brasil, ocupando a terceira posição atrás apenas Bahia e Pará em termos de produção.

Segundo levantamento recente da Seagri, a área total de cacau clonal e seminal está em torno de 12 mil hectares, e as mudas que serão distribuídas têm potencial para aumentar a área plantada em até 600 mil hectares. Rondônia tem produtividade de 651 kg / hectare e produção de 6,00 hectares, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Os recursos para a compra dessas mudas vêm de parcerias público-privadas com o objetivo de impulsionar o setor produtivo do estado.

Três milhões de mudas clonais de café virão de recursos do governo e emendas parlamentares transferidas diretamente para a Seagri, um milhão virá da transferência de mudas clonais de café para produtores rurais do acordo anticorrupção e um milhão sairá da Emater por emendas. O acordo anticorrupção fornecerá 275.000 mudas clonais de cacau, enquanto as emendas fornecerão 325.000.

Essa ação será fundamental para conscientizar e fortalecer as unidades produtivas dos agricultores familiares com práticas produtivas que contribuam para a conservação do solo e aumento da renda familiar, além de contribuir para a redução do desmatamento e das queimadas no estado.

Fonte: Mixrondonia.com com informações de Assessoria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *