Trae Young brilha, e Hawks batem Warriors em duelo emocionante pela NBA

Trae Young brilha, e Hawks batem Warriors em duelo emocionante pela NBA

Atlanta Hawks e Golden State Warriors fizeram uma daquelas partidas de tirar o fôlego. Não bastasse o equilíbrio e as constantes viradas, o jogo ainda teve o duelo Trae Young x Klay Thompson, ambos em noite inspirada. No final, quem riu por último foram os Hawks, que venceram por 121 a 110. Como não poderia deixar de ser, Trae Young foi o destaque da sua equipe, com 33 pontos e 15 assistências. Klay Thompson, por sua vez, não ficou atrás, deixando a quadra como cestinha da partida com 37 pontos.

Além do seu maior astro, Danilo Gallinari (25 pontos), Clint Capela (19 pontos e 13 rebotes) e Kevin Huerter (20 pontos) também tiveram importantes participações no triunfo do Atlanta. Assim como Jordan Poole nos Warriors, que anotou 24 pontos e 10 assistências.

Hawks na frente

O Atlanta começou melhor, liderando o placar nos primeiros minutos. Aos dois, Huerter acertou bola de três, fazendo 10 a 3. Pouco depois foi a vez de Capela enterrar e marcar 12 a 6. Aos poucos, o Golden State foi reagindo e, aos cinco, Poole diminuiu para 17 a 14 numa cesta de três. Foi a senha para os Hawks acordarem e, aos sete, Trae Young arrancou sozinho para marcar 26 a 19.

Os Warriors não se abateram e iniciaram nova reação nos minutos seguintes. Até que Poole virou para 28 a 26 numa jogada de quatro pontos (cesta de três + falta). Os Hawks sentiram o golpe e só voltaram a encostar aos nove, quando Gallinari reduziu para 32 a 31. Contudo, os Warriors voltaram a se impor nos minutos finais, vencendo o quarto por 42 a 36.

Poole dita o ritmo

O panorama do jogo continuou o mesmo no segundo período, com o Golden State abrindo 47 a 39 em menos de três minutos. A partir de então, Hunter e Gallinari comandaram nova reação do Atlanta, que cortou a diferença para três pontos – 50 a 47 – aos cinco. Só que os visitantes tinham Jordan Poole em noite inspirada e, aos sete, ele fez 59 a 51 em mais uma cesta de três.

Um minuto depois, Poole foi para a enterrada e marcou 67 a 58. O Atlanta não se entregou e, aos 10, Trae Young diminuiu para 67 a 66. O lance deu confiança ao astro do time da casa, que pontuou e sofreu falta no lance seguinte, virando o jogo para 69 a 67. O Golden State ainda tentou mais um ataque, mas a vitória parcial ficou mesmo com os Hawks.

Hawks se impõem

O terceiro quarto começou animado com os dois times pontuando em seus primeiros ataques. Aos dois minutos, Trae Young chutou para três e fez 74 a 71 para os donos da casa. Aos quatro, Capela sofreu falta e converteu os dois lances livres, marcando 82 a 73. Dois minutos depois, Young foi para o floating e anotou 88 a 79.

Chamando o jogo para si, Young matou mais uma bola de três aos oito minutos, fazendo 91 a 79. Aos 10, Gallinari ampliou para 93 a 81. Dominado, o Golden State foi presa fácil nos instantes derradeiros do quarto, encerrando o período com uma derrota parcial de 101 a 83.

Klay Thompson comanda reação

O último quarto começou com uma bola de três de Klay Thompson, renovando as esperanças dos Warriors. Aos dois minutos, o mesmo Thompson acertou a sua oitava bola de três no jogo, cortando a diferença para 10 – 103 a 93. Ele estava demais. Aos quatro, Klay Thompson reduziu para 103 a 98, deixando apreensiva a torcida do Atlanta.

Os Hawks só começaram a reagir após cestas seguidas de Huerter e Capela. Aos oito, Trae Young achou Capela sozinho no garrafão e ele não perdoou: 111 a 106. A um minuto do fim, Huerter e Young acertaram bolas de três em sequência, deixando o Atlanta com a ótima vantagem de 119 a 108. A partir de então, coube à equipe da casa apenas administrar o resultado até confirmar a vitória por 121 a 110.

Atlanta Hawks: 37v e 37d (10º do Leste)
Golden State Warriors: 48v e 26d (3° do Oeste)

Outros resultados

Charlotte Hornets 107
Utah Jazz 101

Detroit Pistons 97
Washington Wizards 100

Miami Heat 103
New York Knicks 111

Minnesota Timberwolves 116
Dallas Mavericks 95

GE

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.