Vazio sanitário em áreas de soja inicia nesta terça, 15, para todos os municípios de Rondônia

Vazio sanitário em áreas de soja inicia nesta terça, 15, para todos os municípios de Rondônia

Propriedades produtoras de soja em Rondônia iniciam a partir desta terça-feira (15) mais um vazio sanitário, período em que o solo deve ficar ‘descansando’.

O objetivo do vazio sanitário é controlar a ferrugem-asiática da soja, chamada de Phakopsora pachyrhizi.

Segundo a Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril de Rondônia (Idaron), o vazio sanitário no estado tem duração de 90 dias, terminando assim o prazo só em 15 de setembro. Depois desse período, os produtores poderão fazer o plantio da soja correspondente a safra 2021/2022.

Em Vilhena (RO), um dos municípios com mais produção de, serão mais de 40 mil hectares de área no vazio sanitário.

De acordo com a Embrapa, o fungo que causa a ferrugem-asiática é o biotrófico. Ele precisa de um hospedeiro vivo para se desenvolver e multiplicar. Ao eliminar as plantas de soja na entressafra, quebra-se o ciclo do fungo, reduzindo assim a quantidade de esporos presentes no ambiente.

O descumprimento do vazio sanitário em Rondônia gera multa e destruição da área plantada.

Fonte: https://noticiageral.com – com informações de G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *